Dia da Consciência Negra é tema de projeto em escola municipal de Ibaté

24 Nov 2017
32 vezes
Dia da Consciência Negra é tema de projeto em escola municipal de Ibaté Fotos: Assessoria de Imprensa e Comunicação

O Dia da Consciência Negra é celebrado no país, em 20 de novembro. Essa data homenageia e resgata as raízes negras do povo brasileiro. Sabendo de sua importância, a Escola Municipal de Ibaté Julio Benedicto Mendes trabalhou o tema com seus alunos, colocando em pauta a importância de discutir a temática negra no ambiente escolar.

Para o diretor da escola, Alexandre Gaspar, a inclusão de assuntos ligados à África e ao povo negro na educação formal é uma das estratégias para reconhecer a presença desse grupo na história do Brasil. “Todas as escolas públicas e particulares da educação básica devem ensinar aos alunos, conteúdos relacionados à história e à cultura afro-brasileiras. Sendo assim, privilegiamos o estudo da história da África e dos africanos, a luta dos negros no Brasil, a cultura negra brasileira e o negro na formação da sociedade nacional”, explicou.

Gaspar ressalta que a sala de aula é um dos ambientes ideais para combater à discriminação e o preconceito racial. “Se na escola a criança aprende e vivencia a igualdade, sem estereótipos e desinformação, o processo educacional vai contribuir para alcançarmos a cidadania plena e democrática para todas as raças”, afirmou.

A coordenadora Rosangela Cruz relatou que, durante todo o ano, o assunto é trabalhado, mas no mês de Novembro, as atividades são intensificadas. “Os professores desenvolveram um projeto estimulando os alunos a refletirem sobre suas origens, abordando questões que vão muito além da escravidão. A iniciativa valoriza a oralidade e a arte africana a partir do resgate da cultura do continente e da discussão de sua contribuição para a formação da identidade cultural brasileira. Durante o projeto os professores familiarizaram os alunos com a literatura africana e incentivaram a leitura e a escrita, finalizando com uma exposição dos trabalhos realizados pelos discentes e um sarau de poesias”, explicou.


No Centro Cultural

Alunos dos cursos de capoeira e percussão do Centro Cultural de Ibaté também participaram de diversas apresentações em comemoração ao dia da Consciência Negra.

As apresentações aconteceram nas escolas estaduais do Jardim Cruzado e André Donatoni, e na Escola Municipal Vera Trinta. Além das apresentações, os alunos tiveram a oportunidade de conhecer os projetos culturais do Centro Cultural, que resgatam a cultura popular brasileira.

Para o diretor do Centro Cultural, Joziel Gama, essas apresentações servem como integração dos alunos e também de motivação para outras crianças participarem dos cursos.

Segundo Gama, o prefeito José Luiz Parrela (PSDB) apoia demais com infraestrutura, uniforme, equipamentos e condições para que os projetos continuem sempre crescendo e atraindo, mais e mais, crianças e jovens de Ibaté.

Os alunos de percussão e capoeira estarão se apresentando na Praça Central, juntos com os alunos de balé e dança de rua, no dia 15 de dezembro, a partir das 20h.

Fonte: Assessoria de Imprensa e Comunicação

Avalie este item
(0 votos)

Ibaté OnLine, um site atualizado com os principais acontecimentos e eventos da cidade e região.