Com a chegada das férias escolares, é comum ver crianças e adolescentes empinando pipas pelas ruas de Ibaté, porém, existe uma preocupação: o uso de cerol e da linha chilena, o que deixa toda a população preocupada e incomodada, principalmente, os motociclistas.

Com o objetivo de orientar e evitar que aconteça algum acidente, a Guarda Municipal e o Departamento de Fiscalização da Prefeitura, estão procurando alertar os jovens que gostam de soltar pipa, bem como, os pais e responsáveis das crianças.

A Guarda Municipal realizou algumas apreensões de linhas com cerol e, além de aplicar a multa, orientou os jovens e seus responsáveis. “Em um primeiro momento, a gente recolhe a linha e orienta. Em caso de reincidência, o Departamento de Fiscalização é acionado e aplica a multa, de acordo com a Lei Municipal”, destacou o comandante da GM, Vitor Reis.

Os maiores riscos do cerol e da linha chilena são os cortes causados por elas. Os motociclistas são as principais vítimas, pois estão mais vulneráveis ao perigo. O pescoço é a parte sempre mais atingida.

De acordo com especialistas, no pescoço passa uma artéria importante do corpo humano e o corte dela pode provocar um intenso sangramento levando até a morte, em poucos minutos.

Também existem casos em que os motociclistas tentam retirar a linha do pescoço e acabam amputando os dedos, fora os demais ferimentos. Outros acidentes com cerol envolvem pedestres, ciclistas, paraquedistas, skatistas e outros.

Em Ibaté, a Lei Municipal n°2172/05 proíbe o comércio, a fabricação e o uso de cerol, resultando em multa para quem for pego com o material cortante. O valor é de R$ 200,46.


CEROL

Cerol, cortante e preparo são nomes atribuídos a uma mistura de cola de sapateiro com vidro moído que é aplicada em linhas de pipas para cortar as linhas de outras no ar, uma espécie de desafio com finalidade recreativa.

O cerol é colocado diretamente na linha que será usada para empinar a pipa. A cola serve como aglomerante, enquanto o pó de vidro ou ferro serve como abrasivo. O resultado é uma linha extremamente cortante, que pode trazer riscos para quem aplica e para quem usa a linha com cerol.

Além disso, as linhas com cerol trazem riscos para a vida selvagem, em especial pássaros, para pedestres, ciclistas, motociclistas e motoristas de carros conversíveis.

No Brasil, as atividades envolvendo a substância têm seu ápice nos meses de janeiro, fevereiro, junho, julho e dezembro, que correspondem aos períodos de férias escolares, onde é bem maior a realização de disputas entre as crianças e adolescentes para ver quem consegue cortar a linha da pipa do outro.

Fonte: Assessoria de Imprensa e Comunicação

 

A Câmara Municipal de Ibaté realizou na noite desta segunda-feira, 11, no Centro Comunitário “João Baptista Lopes”, uma sessão solene em homenagem às autoridades de segurança da cidade.

O evento ocorre, anualmente, graças a uma Lei Municipal do ex-vereador Marinho Frigieri (PSDB), sancionada pelo ex-prefeito Dr. Alessandro Rosa (PSDB), que visa incentivar os agentes de segurança e reconhecer o serviço que as instituições prestam à população ibateense.

Esse ano, foram homenageados o Cabo PM Fábio Luis de Oliveira, da Polícia Militar; o investigador Cesar Henrique Garcia, da Polícia Civil; e o agente Argenor Marcelino Ferreira, da Guarda Civil Municipal.

O capitão da Polícia Militar, Luis Rogério Fumagale Macêdo, também recebeu o Título de Cidadão Ibateense, através de um Decreto Legislativo, de autoria da vereadora Regina Queiróz, aprovado pelo Legislativo Municipal.

 

O vice-prefeito Horácio do Carmo Sanchez, representando o prefeito José Luiz Parella (PSDB), enalteceu o trabalho desenvolvido pelas forças de segurança da cidade e enfatizou que a união tem sido muito importante. “Ninguém faz nada sozinho. É preciso respeitar a história e a tradição, conhecer as boas práticas, os hábitos e as virtudes para definir os próximos passos e caminhos a serem trilhados. Assim, respeitando os bons hábitos e as virtudes, enalteço o trabalho das forças de segurança da nossa cidade, homens e mulheres, que vem trabalhando compromissados com a defesa da vida, da integridade física e da dignidade dos cidadãos ibateenses”, disse.

Horácio ressaltou que, muitas vezes, a Polícia Militar, Guarda Municipal e Polícia Civil, são criticadas pela população e pediu para que os agentes não desanimem. “Minha mensagem nesta noite é para pedir que vocês não desanimem. Que continuem realizando o maravilhoso trabalho que realizam, dentro da competência de cada um, de cada instituição, pois nossa cidade precisa muito de vocês”, declarou.

Presente na solenidade, o deputado estadual Roberto Massafera destacou que a força do Estado de São Paulo está justamente nas cidades médias e pequenas. “É aqui que se trabalha, é aqui que se luta, é aqui que se dá o exemplo. Cada um cumpre a sua missão. Essa noite, os homenageados são merecedores, mas vocês que estão homenageando, estão cultivando valores essenciais à nossa cultura, à nossa sociedade. Parabéns! É assim que vamos reconstruir o nosso País”, disse o parlamentar tucano.

Representando o deputado federal Lobbe Neto, do PSDB paulista, o assessor parlamentar Paulo Melo, também enalteceu o compromisso das instituições de segurança e relatou que o trabalho só não é melhor, por conta das leis que regem o país. “O problema da segurança esta na nossa Constituição Brasileira, privilegiando criminosos em detrimento do cidadão de bem, que fica preso em sua casa e, muitas vezes, ainda recebe visita de marginais que acabam levando tudo aquilo que conquistou com o esforço do seu trabalho”, disse. “Em nome do deputado Lobbe, parabenizo os homenageados nesta noite e o Legislativo por esse merecido reconhecimento para esses valorosos profissionais”, completou.

 

A solenidade contou ainda com as presenças do presidente da Câmara de Ibaté, Valentim Fargoni – que presidiu a sessão solene; dos vereadores Tonho Pernambuco, Marino Motos, Neia Monte, Ivani Almeida, Silvano da Água Viva, Du da Autoescola, Steigue Faccio e Regina Queiróz; do subcomandante do 13º Batalhão de Polícia Militar de Araraquara, Major Luis Roberto Moreira Filho; do subcomandante do 38º Batalhão de Polícia Militar de São Carlos, Major Mussolini; do comandante da 2ª Cia do 38º BPM, capitão Renato Gonzales; do comandante do Pelotão da PM de Ibaté, tenente Daniel Molina; do comandante da Guarda Municipal, Vitor Reis; entre outras autoridades.


Mais homenagens

Durante a solenidade, a Polícia Militar de Ibaté entregou aos policiais, Renato Falaci e Fernando César, a Medalha de Mérito Pessoal, em virtude da ocorrência registrada no mês passado, onde evitaram, com grande êxito, um assalto contra a Agência dos Correios de Ibaté, prendendo dois indivíduos.

A corporação da Guarda Municipal também realizou uma homenagem póstuma, ao saudoso agente José Albino, o Zezão, que faleceu em outubro desse ano. Familiares estiveram presentes e receberam uma placa de prata das mãos do vice-prefeito Horácio Carmo Sanchez (PSDB), que representou o prefeito José Luiz Parella (PSDB), e do comandante da Guarda Civil Municipal de Ibaté, Vitor Reis.

Fonte: Assessoria de Imprensa e Comunicação

A Biblioteca Pública Municipal de Ibaté “Comendador Nello Morganti” recebe a Exposição "Vestígios da Sociedade Contemporânea”. A mostra estará aberta ao público até o dia 29 de dezembro, das 8h às 11h e das 13h às 17h.

O objetivo da Exposição é trazer a reflexão sobre a produção e destinação de resíduos recicláveis e práticas alternativas de sustentabilidade. A ideia é fazer com que as pessoas reflitam sobre essa temática e a importância da separação dos resíduos e contribuam com a coleta seletiva que é realizada no campus São Carlos, semanalmente.

São 11 banners ilustrados com fotografias que contextualizam a “Arqueologia do Lixo” e trazem para reflexão algumas questões relacionadas à produção e destino de resíduos de nossa sociedade, bem como, explora práticas alternativas sustentáveis.

Serão ainda apresentados 22 objetos curiosos selecionados pela Cooperativa de Catadores de Materiais Recicláveis de São Carlos (COOPERVIDA).

A exposição é uma realização da Prefeitura de Ibaté e da Fundação Araporã (Araraquara-SP), em parceria com o Departamento de Apoio à Educação Ambiental (DeAEA), da Secretaria Geral de Gestão Ambiental e Sustentabilidade (SGAS), da UFSCar. Apoio: Centro de Divulgação Científica e Cultural (CDCC) da USP, COOPERVIDA, Empresa São Carlos Ambiental, Museu da Ciência Mário Tolentino e Departamento de Ação Cultural (BCo/UFSCar).

O evento é gratuito, aberto ao público e não necessita de inscrição prévia.

Fonte: Assessoria de Imprensa e Comunicação

Os policiais militares Renato Falaci e Fernando César, estiveram na tarde desta quinta-feira (07/12) na cidade de Ribeirão Preto, onde receberam uma homenagem do comandante do CPI 3, Coronel Washinton Luiz Gonçalves Pestana.

O mérito foi devido a ocorrênvia do mês passado em que eles, com o apoio dos cabos Gomides e Everaldo, conseguiram com grande êxito, defender a cidade de Ibaté e evitar o assalto contra a agência dos Correios.

Os bandidos chegaram a trocar tiros com os militares, mas acabaram presos.

Durante a cerimônia de homenagem, Ibaté foi enaltecida pelos militares que, sem dúvida, cumpriram com a obrigação, mas, por mais que tenha sido a função, eles defenderam a cidade e a população com a própria vida e não fugiram dos inimigos, pelo contrário, bateram de frente e venceram o crime neste dia.

Renato Falaci e Fernando César, tem feito um bom trabalho, já que, neste ano, prenderam dezenas de traficantes, fizeram flagrantes de tentativa de homicídio, apreenderam armas, drogas e localizaram diversos carros furtados.

Renato Falaci e Fernando César, também receberam da Câmara Municipal de Ibaté, uma moção de congratulação, de autoria do vereador Marino Motos (PSDB).

A equipe da Rota das Notícias parabeniza esses exemplares homens pela atuação deste ano, em defesa da população ibateense.

Sabemos que o reconhecimento por parte de algumas pessoas é difícil, mas o amor a profissão, faz com que, todas as barreiras e dificuldades sejam esquecidas. Parabéns guerreiros!

Fonte: Rota das Notícias

Um acidente foi registrado na tarde de quarta-feira (06/12), no Jardim Mariana e por muito pouco não se tornou em uma tragédia.

A jovem Beatriz relatou a reportagem da Rota das Notícias, que seguia como passageira da mãe em uma moto pela Rua Maria Claike Mendes, quando em um momento, as duas foram atingidas por uma linha com cerol.

A linha enrolou a condutora e a passageira da moto, sendo que a condutora acabou sendo atingida diretamente e teve o capacete e o rosto cortados. Apesar do machucado no rosto, a condutora da moto está bem. Beatriz que seguia como passageira não se machucou.

Por sorte, um rapaz passava no momento do acidente e ajudou as duas mulheres.

Perigos:

Crianças e jovens ainda utilizam a prática de soltar pipas com cerol e isso muitas vezes, podem acabar tirando a vida de uma pessoa.

È de extrema importância que os pais prestem atenção nos filhos, para que este tipo de problema seja evitado.


O que pode acontecer judicialmente?

O corpo jurídico do portal Rota das Notícias, também faz um alerta aos pais, porque, já que são responsáveis pelos menores, eles poderão ser punidos com indenizações e responder criminalmente pelos filhos por tentativa de homicídio, homicídio e lesão corporal, se os menores forem flagrados no momento dos acidentes.


Fiscalização:

A Guarda Municipal de Ibaté já vêm realizando um forte trabalho de prevenção deste tipo de acidente e conta com a ajuda dos pais. Recentemente, ocorreu uma grande apreensão de linhas com cerol e as fiscalizações continuam nos bairros da cidade.

Fonte: Rota das Notícias

A administração do prefeito José Luiz Parrella (PSDB), buscando driblar a crise que assola o Brasil de todas as maneiras, vem conseguindo encontrar soluções para o desenvolvimento de Ibaté. Basta notar a quantidade de obras que estão em andamento na cidade, as contas e o pagamento dos salários dos servidores em dia, e agora conseguiu adquirir mais dois veículos para a frota municipal, que ficarão à disposição do Departamento Municipal de Saúde.

Os veículos, dois Gols completos, foram adquiridos por meio de emenda parlamentar do deputado federal Baleia Rossi (PMDB-SP), sendo que cada um custou R$ 41.120,00. “Estamos sempre em busca de recursos para que a nossa administração consiga deixar a cidade em ordem. Dessa vez, conquistamos dois veículos para o Departamento Municipal da Saúde com o apoio do deputado federal Baleia Rossi”, comentou Zé Parrella.

O prefeito destacou a importância dos veículos do departamento estar em ordem. “Buscamos ter carros novos no Departamento da Saúde, pois é um setor que sempre quando acontece alguma emergência, os veículos precisam estar em perfeito estado, então, ou os carros e ambulâncias são novos ou estão com as revisões em dia, sem contar que também transportam pacientes para outras cidades, para realizar consultas nos Ambulatórios Médicos de Especialidades (AME’s) da região ou fazer hemodiálise em São Carlos e Araraquara”, contou.

Zé Parrella lembra que a renovação da frota de veículos da prefeitura sempre foi realizada em seus dois primeiros mandatos e agora não está sendo diferente. “Sempre busquei dar condições de trabalho para os servidores municipais, em relação aos que utilizam veículos, renovar a frota e ter veículos em ordem foi uma das prioridades, agora também estamos fazendo isso, pois só esse ano compramos três motos, um caminhão e agora esses dois carros”, analisou o prefeito.

Para finalizar, Zé Parrella afirma que continuará em busca de emendas parlamentares para que Ibaté siga crescendo. “Na hora de pedir voto os deputados lembram dos eleitores de Ibaté, então nós da administração vamos lembrar dos deputados na hora de pedir emendas que beneficiarão os munícipes, estão em busca de recursos e tenho certeza que os deputados federais e estaduais que vieram buscar votos aqui para se elegerem vão contribuir com Ibaté”, encerrou.

Fonte: Assessoria de Imprensa e Comunicação

Os alunos do curso de dança teatral do Centro Cultural do Jardim Cruzado fizeram, na última semana, uma apresentação de fim de ano direcionada aos pais.

Cerca de 30 alunos interpretaram uma montagem da professora Maíra Ferrari que foi desenvolvida com os próprios jovens sobre o tema “O Poder da Palavra”.

Nos dia de hoje, com a ascensão das redes sociais, o tema vem bem de encontro com essa discussão. Uma palavra mal interpretada, uma noticia mal contada, distorções, pré-julgamentos, e muita vezes a palavra se torna arma de atritos e dissabores.

O espetáculo transmitiu a força que cada ser humano tem de mudar a realidade, sem medo de errar, de ser diferente e de transformar o meio em que vive!

Os pais participaram da apresentação e se emocionaram com a desenvoltura das crianças e com o texto interpretado por elas. Para a professora Maíra Ferrari esse tipo de trabalho desenvolvido com as crianças, fortalece o processo criativo delas, onde suas realidades e seu dia a dia são temas das brincadeiras e dinâmicas permeadas pela dança contemporânea e pelo teatro, fazendo com que através da arte, essa realidade seja mais bem compreendida e transformada. Essa transformação melhora a auto-estima das crianças, desenvolve a criatividade e percepção da sua própria realidade.

Joziel Gama, diretor do Centro Cultural, afirma que ações como estas, valorizam o cotidiano da criança e ajuda os próprios professores e dirigentes a compreenderem melhor essa rotina que muitas vezes são cheias de desafios e nem sempre com histórias felizes.

Gama ressalta ainda o apoio do prefeito José Luiz Parrella (PSDB) em dar cada vez mais condições de trabalhos importantes como este serem desenvolvidos com as crianças do Jardim Cruzado e de Ibaté.

Fonte: Assessoria de Imprensa e Comunicação

A Prefeitura de Ibaté está realizando diversos serviços para a restauração da Igreja Matriz Centenária. De acordo com o prefeito José Luiz Parella (PSDB), o valor total de investimento é de aproximadamente R$ 400 mil.

Preocupado em resgatar a história da cidade, desde quando assumiu seu primeiro mandato, Zé Parrella tem dispensado uma atenção muito especial, com o templo histórico e religioso da Encanto do Planalto.

“Não há futuro sem o resgate do passado. Se temos o presente é porque alguém lá atrás fez muito pela nossa história. Nessa igreja, muitos ibateenses se casaram, foram batizados e muita gente tem o desejo de se casar ou ser batizado ali, então, decidimos realizar esse restauro, com recursos da própria prefeitura”, explicou o prefeito.

Zé Parrella conta que, com muito esforço e economia, está conseguindo realizar essa restauração. Entre os serviços que vem sendo executados, estão o reforço da parte estrutural, a troca do piso e um diferencial que encanta igrejas com esta arquitetura, que são pinturas sacras nas paredes. “Nossa Matriz Centenária, que já chama a atenção pelo seu projeto arquitetônico, com certeza, se transformará em ponto turístico após receber essas artes sacras”, contou o chefe do Executivo.


A história

A Igreja Matriz Centenária São João Evangelista foi criada e inaugurada por Dom José de Camargo Barros, bispo de São Paulo, em 19 de abril de 1906. Foi a primeira desmembrada da Paróquia de São Carlos do Pinhal, antes desta tornar-se catedral, como sede Diocesana.

Até então, os fiéis de Ibaté se reuniam na igreja de São João Evangelista, pertencente à Paróquia de São Carlos. O ato episcopal de criação da Paróquia de Ibaté vem assinado por Monsenhor José Marcondes Homem de Melo, que tinha cargos importantes na Cúria Diocesana de São Paulo e que logo veio a ser o primeiro bispo da diocese de São Carlos.

No dia 3 de maio do mesmo ano, Dom José de Camargo Barros nomeou o primeiro Vigário da Paróquia de Ibaté, Padre Roque Scafoglio. No dia 15 de julho do corrente ano, foi inaugurada a pia batismal. No mesmo ano de 1906, Dom José Marcondes, recém ordenado bispo, viajara a Roma com Dom José de Camargo de Barros, de quem era grande amigo, para receber sua ordenação episcopal. No regresso, o navio naufragou e D. José de Camargo Barros morreu.

A Paróquia teve ao longo desses mais de 100 anos, o Mons. Frederico Jurczik foi o pároco que mais tempo administrou a Igreja (38 anos). A ele deve-se a construção, na mesma praça central, do grande templo atual, que substituiu a igreja centenária.

Fonte: Assessoria de Imprensa e Comunicação

 

O Dia da Consciência Negra é celebrado no país, em 20 de novembro. Essa data homenageia e resgata as raízes negras do povo brasileiro. Sabendo de sua importância, a Escola Municipal de Ibaté Julio Benedicto Mendes trabalhou o tema com seus alunos, colocando em pauta a importância de discutir a temática negra no ambiente escolar.

Para o diretor da escola, Alexandre Gaspar, a inclusão de assuntos ligados à África e ao povo negro na educação formal é uma das estratégias para reconhecer a presença desse grupo na história do Brasil. “Todas as escolas públicas e particulares da educação básica devem ensinar aos alunos, conteúdos relacionados à história e à cultura afro-brasileiras. Sendo assim, privilegiamos o estudo da história da África e dos africanos, a luta dos negros no Brasil, a cultura negra brasileira e o negro na formação da sociedade nacional”, explicou.

Gaspar ressalta que a sala de aula é um dos ambientes ideais para combater à discriminação e o preconceito racial. “Se na escola a criança aprende e vivencia a igualdade, sem estereótipos e desinformação, o processo educacional vai contribuir para alcançarmos a cidadania plena e democrática para todas as raças”, afirmou.

A coordenadora Rosangela Cruz relatou que, durante todo o ano, o assunto é trabalhado, mas no mês de Novembro, as atividades são intensificadas. “Os professores desenvolveram um projeto estimulando os alunos a refletirem sobre suas origens, abordando questões que vão muito além da escravidão. A iniciativa valoriza a oralidade e a arte africana a partir do resgate da cultura do continente e da discussão de sua contribuição para a formação da identidade cultural brasileira. Durante o projeto os professores familiarizaram os alunos com a literatura africana e incentivaram a leitura e a escrita, finalizando com uma exposição dos trabalhos realizados pelos discentes e um sarau de poesias”, explicou.


No Centro Cultural

Alunos dos cursos de capoeira e percussão do Centro Cultural de Ibaté também participaram de diversas apresentações em comemoração ao dia da Consciência Negra.

As apresentações aconteceram nas escolas estaduais do Jardim Cruzado e André Donatoni, e na Escola Municipal Vera Trinta. Além das apresentações, os alunos tiveram a oportunidade de conhecer os projetos culturais do Centro Cultural, que resgatam a cultura popular brasileira.

Para o diretor do Centro Cultural, Joziel Gama, essas apresentações servem como integração dos alunos e também de motivação para outras crianças participarem dos cursos.

Segundo Gama, o prefeito José Luiz Parrela (PSDB) apoia demais com infraestrutura, uniforme, equipamentos e condições para que os projetos continuem sempre crescendo e atraindo, mais e mais, crianças e jovens de Ibaté.

Os alunos de percussão e capoeira estarão se apresentando na Praça Central, juntos com os alunos de balé e dança de rua, no dia 15 de dezembro, a partir das 20h.

Fonte: Assessoria de Imprensa e Comunicação

A Prefeitura de Ibaté liberou no ultimo dia 20a segunda parcela do 13º salário, aos servidores públicos municipais, mostrando o compromisso com o funcionalismo. A ação injetará, aproximadamente, R$ 1,5 milhão na economia da cidade, movimento o comércio local.

O prefeito José Luiz Parrella (PSDB) destaca que é de extrema importância manter em dia o pagamento dos funcionários, os quais são os responsáveis diretos para o bom andamento e desenvolvimento de Ibaté. “Mesmo em meio às dificuldades financeiras que o País está atravessando, conseguimos manter a nossa programação e realizar, em dia, todos os pagamentos, inclusive o 13º salário, que acaba sendo muito esperado pelos nossos servidores”, ressaltou.

Zé Parrella ressaltou que o pagamento do 14° salário, que ocorre no mês de dezembro, também será realizado de acordo com o cronograma anual. “Temos um compromisso com os servidores municipais, pois são eles que tocam essa Prefeitura, por isso, fazemos questão de pagar em dia os seus salários e o 14º não será diferente”, afirmou.

O 14° salário foi criado por meio de uma lei municipal do prefeito Zé Parrella, durante os primeiros mandatos. Além desse beneficio, o prefeito também implantou a concessão da cesta básica e do abono aniversário. “Esse período é complicado, pois temos, praticamente, quatro folhas de pagamento em dois meses. Além dos salários de novembro e dezembro, que são pagos até dia 30 de cada mês, a prefeitura paga o 14º e a segunda parcela do 13º. Aliás, quem faz aniversário em dezembro, recebe também o salário aniversário. Isso mostra o compromisso da nossa administração. Sem contar que Ibaté foi a única cidade da região que concedeu aumento real de 10% aos servidores, neste ano”, enfatizou o prefeito.

Honrando os compromissos com os servidores municipais, a atual administração aponta a importância de manter em dia o pagamento, os quais contribuem, ativamente e de forma eficaz, com o bom andamento e desenvolvimento do município. “Todo mundo sabe que dou as condições necessárias de trabalho, pago o salário em dia, mas cobro rendimento e resultados. Os funcionários estão acostumados comigo”, finalizou Zé Parrella.

Fonte: Assessoria de Imprensa e Comunicação

Pagina 1 de 48

Ibaté OnLine, um site atualizado com os principais acontecimentos e eventos da cidade e região.