Ibateense de apenas 13 anos vai defender o Fluminense/RJ

03 Jan 2018
41 vezes
Ibateense de apenas 13 anos vai defender o Fluminense/RJ Fotos: São Carlos Agora

O atacante ibateense Fábio Jr., de apenas 13 anos, filho de Daniela Corinti Catarino, balconista, 34 anos e de Fábio Cristiano de Assis, pintor, 36 anos, espera ter um 2018 de muitas vitórias e conquistas. Afinal, no dia 29 de janeiro ele se apresenta no Centro de Treinamento do Fluminense/RJ, em Xerém, e inicia uma nova fase em sua vida esportiva.

Nos meses finais de 2017, Fábio Jr. participou de três testes qualificatórios: na Ferroviária, em Araraquara; no Desportivo Brasil, em Porto Feliz e no Fluminense. Aprovado em todos. Entretanto, o ibateense optou pelo clube carioca.

"Desde já sou torcedor do Fluminense, mas carrego o São Paulo no coração", disse, em entrevista ao São Carlos Agora. "Optei pelo Fluminense pois é uma chance de defender um grande clube do futebol brasileiro e participar de campeonatos importantes", emendou.

Fábio Jr. carrega o sonho de se tornar um jogador profissional e com isso tornar realidade alguns desejos já elencados. "Disputar uma Copa Libertadores, chegar ao Mundial de Clubes e também defender a seleção brasileira. Mas, principalmente, poder ajudar minha família e dar melhores condições de vida aos meus pais e irmãos", disse.

FORA DE CASA

Apesar de possuir apenas 13 anos, Fábio Jr. se acostumou a viver longe da família. Em 2017 defendeu a Inter de Limeira no campeonato paulista sub13 e chegou até as quartas de final. Foi o artilheiro da equipe com 12 gols, a maioria anotados de bola parada (cobrança de faltas).

Este ano irá disputar o campeonato carioca sub15 e se prepara para uma temporada que promete muita adrenalina e de muita saudade.

"Ficar longe da família, dos pais não é legal. A saudade é grande. Mas para conseguirmos alcançar nossos sonhos é preciso superar alguns obstáculos", comentou o ibateense que irá residir em um alojamento no clube carioca e irá, paralelamente, frequentar a escola.

Além da Inter de Limeira, Fábio Jr. teve passagem pelo Grei de Ibaté, Mult Sport Escola de Futebol e escolinha de esportes de Ibaté.

MÃE SAUDOSA

Durante a entrevista, o SCA conversou com Daniela, mãe de Fábio Jr. que um ano de muita saudade. "Quando ele defendia a Inter de Limeira, morou sozinho. Mas como era perto de Ibaté, eu ia até lá e passava alguns dias com ele. Agora, com ele indo para o Rio de Janeiro, a distância é grande. Nosso contato será nas férias escolares e no final do ano", afirmou.

Todavia Daniela apoia e incentiva o filho que vê no futebol o seu futuro. "O Fábio é um bom menino e luta para tornar o seu sonho em realidade. Estamos aqui para dar todo apoio que ele precisar", garantiu a orgulhosa mamãe.

Fonte: São Carlos Agora

Avalie este item
(0 votos)

Ibaté OnLine, um site atualizado com os principais acontecimentos e eventos da cidade e região.